Portal de Imóveis da Serra Gaúcha
O Portal de Imóveis da Serra Gaúcha

Dormitórios infantis – versatilidade do nascimento a infância
Tá chegando vida nova por aí...

Ah o bebê...aquele “pinguinho de gente” cheio de amor e totalmente dependente, que precisa ser acolhido com muito amor e aconchego e é por isso que decidi escrever esta matéria hoje, ajudar você a escolher um ambiente que traduz a necessidade destes anjinhos que logo serão crianças com necessidades ainda mais dinâmicas.

Todos nós sabemos da importância da funcionalidade e versatilidade do dormitório do bebê, tanto no âmbito do investimento como na praticidade em mudanças rápidas com menor transtorno possível.

As mudanças acontecerão desde o mobiliário, iluminação, até a decoração, e caso você não estiver disposto às transformações que irão ocorrer, melhor investir num projeto que otimize ao máximo estas questões. Sendo assim, escrevi esta matéria para ajudar vocês neste momento tão importante e de tanto amor, que ás vezes fica difícil decidir o dormitório mais adequado, funcional, prático e acolhedor.



É preciso estar atento desde o layout até a decoração, afinal é o espaço onde o bebê vai permanecer por maior parte do dia. O layout é o ponto de partida de maior importância, pois é nele que iremos distribuir os mobiliários no espaço, e pra quem não deseja muitas mudanças no decorrer do crescimento do BB até a infância, o melhor a fazer é um layout atemporal, que atenda o indivíduo por vários anos e fases. E como fazer isso...

Programa de necessidades mínimo, o que você precisa num dormitório de bebê:

1) Roupeiro, o ideal é aquele que você vai usar até a infância, portanto a dica é que sejam amadeirados ou cores que não cansam, como cores de tons pastéis ou fortes como azul e verde escuro, azuis acinzentados, branco e suas variáveis.

2) Berço, os chamados berços americanos são mini camas que você altera trocando as grades dos berços pelos protetores laterais que evitam a queda da criança. O mais interessante do berço americano é que ele possui a largura de uma cama de solteiro e comprimento somente 20% menor, sendo assim, você ficará com a mesma localização da cama num futuro próximo e ainda economizar na cama infantil, trocando somente quando a criança completar 6 anos ou altura superior a 1,20 m. Dimensões externas do berço 1,5 x 0,80 m.

3) Cômoda com trocador pode ficar ao lado do trocador assim quando não usar mais, utiliza ainda como cômoda com brinquedos de decoração, bandeja com farmacinha, perfumaria... E depois pode inserir uma coluna de roupeiro e ou nichos, prateleiras para organizar os brinquedos infantis de forma decorativa.





4) Poltrona para amamentação, ideal que fique próximo à janela e se tiver espaço para algum apoio como mesinha auxiliar, melhor. Caso não tenha espaço para mesinha auxiliar, posicionar a poltrona próxima ao trocador que servirá de apoio.

5) Iluminação funcional, é bom pensar numa luminária central de teto, um abajur e uma iluminação indireta como cordões de LED cor amarela que ajuda muito no momento da amamentação e do ninar para deixar o bebê confortável. Indico uma iluminação com dimmer na luminária de teto, assim você controla a luminosidade desde bebê até a fase infantil. Para iluminação decorativa você pode abusar e usar as fitas e ou cordões de LED nas prateleiras, roda forros de móveis ou teto, detalhes no forro do gesso, porém não se esqueça que para maior conforto, cada tipo de iluminação deve ter um circuito a parte, ou seja, ligar e desligar separadamente.





Design e materiais x segurança e manutenção: se faz necessário lembrar que os materiais para móveis mais resistentes e de fácil manutenção atualmente são os melamínicos mas nada impede de usar móveis pintados ou laqueados, todos possuem uma gama enorme de texturas e cores; muito cuidado com o design e alguns materiais como vidros e espelhos nestas fases de bebê à infância, por segurança, evite expor ao alcance das criança e formas dos móveis sem cantos vivos aparentes é uma das sugestões afim de evitar acidentes em bater a cabeça, boca ou os olhos.

6) Cortinas leves e translúcidas para dar maior segurança e conforto aos pequerruchos.

7) Pisos “ quentes” como os laminados ou os emborrachados (vinílicos) – estes possuem vários tamanhos, formatos, cores, design; assépticos, muito finos e isolam mais o frio.

8) Decoração faz parte do desenvolvimento do bebê e da criança, se você puder inserir alguns itens lúdicos, melhor, desperta a imaginação e a criatividade! A decoração é uma ferramenta importante quando se trata de estimular o bebê e a criança, portanto é aqui que você deve arrojar caso queira, em cores, texturas e materiais.

Quando é bebê, geralmente a decoração tem a personalidade dos pais e alguns, dos avós também. Mas quando a criança vai crescendo, é importante para o seu desenvolvimento, que tenha a sua personalidade. Aí você vai me perguntar, mas precisa trocar tudo... Investir novamente. A resposta é não; você tem inúmeras formas de personalizar um ambiente com grandes mudanças e pouco investimento e ou energia. Lembram da matéria que escrevi sobre revestimentos... Então!

Temos alternativas de decoração de mudança radical e com pouco transtorno como grafite, papel parede, adesivos personalizados ou não, tapetes com motivo dos personagens do momento, almofadas, iluminação, quadros, livros, brinquedos atuais expostos em nichos e prateleiras que servem para brincar e decorar o ambiente, skates elétricos ou de rodinhas, pranchas de surf, drones, enfim; uma infinidade de possibilidades para personalizar ao longo do tempo, desde o nascimento até a infância e alguns até adolescência.





À esquerda, detalhe nos adornos + papel parede e à direita, adesivo de parede cortado a laser, personalizado que pode ser usado em qualquer ambiente, fundo neutro e cores nos adornos de decoração (versatilidade de forma rápida e sem sujeira) – Arq. Ana De Zorzi

É isso, Papais, Vovós e Titios...Desejo de coração, que tenha atendido às expectativas de vocês e que estas dicas tenham despertado mais ideias e sorrisos largos imaginando o cantinho dos pequenos. Saúde!

Para as imagens sem fonte, ///nenhuma violação de direitos autorais pretendida\\\\\\.



Ana De Zorzi
Arquiteta e Engenheira de Segurança e Trabalho
CAU A 49460-7
(54) 3021-6434
(54) 98116-1116
ana_dezorzi@hotmail.com